Doenças raras AZ

0

Encontre a doença incomum que você está procurando na lista A A Z. Por favor, não hesite em falar para a linha rara se a patologia que você está procurando não está na lista.

Na União Europeia, são raras as condições que influenciam menos de 5 em cada 10 000 indivíduos em toda a população da UE – Linha Rara. Estima-se que existam entre 5 000 e 8 000 doenças raras com impacto entre 6% e 8% da população total, o que sugere que em Portugal haverá 600 000 a 800 000 indivíduos com estas patologias.

Além disso, a maioria dessas pessoas lida com doenças que afetam muito menos de 1 em cada 100 mil indivíduos, o que é muito menos de 100 pessoas em todo o país. No entanto, o significado social das doenças pouco comuns, além das pessoas, também chega às suas famílias e a outros parceiros domésticos, especificamente quando lutam com condições mais significativas, difíceis ou comprometidas para gerir.

Estas condições podem quase sempre ser identificadas como:.

  • Condições crônicas graves, degenerativas e também perigosas;
  • Doenças deficientes em que o estilo de vida é posto em risco devido à falta de autonomia;
  • Doença em que o nível de desconforto e também sofrimento para o particular e sua casa é elevado;
  • Condições para as quais não há cura eficiente no entanto sinais e sintomas podem ser tratados para aumentar a qualidade e também a duração de vida.

80% das doenças raras têm um início hereditário identificado. Isto aplica-se a 3% a 4% dos nascimentos. Outras doenças raras resultam de infecções (microbianas ou virais) e reacções alérgicas, ou são desencadeadas por razões degenerativas e proliferativas. As condições pouco comuns são identificadas por uma excelente gama de distúrbios e também sinais e sintomas que eles representam e também variam não apenas de condição para condição, mas, adicionalmente, de indivíduo para paciente que experimenta a mesma doença exata.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui